Grandes Promoções na Livraria Cultura

Horário

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Suposto ex-amante diz ter sido ameaçado por advogados de John Travolta

Ele abriu um processo contra o ator por ter sido acusado de assinar um contrato de confidencialidade

 

Depois do ter esfriado na mídia, a polêmica envolvendo um caso homossexual de John Travolta acaba de ganhar um novo capítulo. Segundo informações do site TMZ, o ex-piloto Doug Gotterba, de 62 anos, suposto amante de Travolta, contou detalhes sobre o relacionamento que tiveram juntos e agora estaria sendo ameaçado pelo advogado do ator, Marty Singer.
De acordo com as informações, eles teriam se relacionado entre os anos de 1981 e 1987, época em que Gotterba trabalhou para o ator. Quando toda a história do caso homossexual veio à tona, Singer teria ameaçado Doug, dizendo que ele não podia ter quebrado um contrato de confidencialidade, que selou quando parou de trabalhar para o astro de Hollywood.
Mas, Gotterba contou que, ao parar de prestar serviços para o astro de Holywood, foi feito apenas um contrato de rescisão que não continha nenhuma cláusula referente à confidencialidade com relação ao seu suposto caso com o ator,. Por conta disso, ele entende que pode falar sobre o relacionamento sem problemas.
Doug Gotterba, abriu um processo contra o ator, dizendo que nunca assinou um contrato de confidencialidade para manter segredo sobre o caso amoroso entre os dois. Porém, o advogado contou que tem uma cópia do contrato incluída no processo e vê a ação judicial como “ridícula”. “Mr. Gotterba obviamente entrou com esse processo para ter os seus 15 minutos de fama. Pretendemos fazer com que esse caso sem méritos seja prontamente dispensado”, afirmou Singer.


Fonte: Ofuxico

Nenhum comentário:

Postar um comentário